top of page
  • Foto do escritorMobiltracker

2G x 4G: O que esperar do futuro do rastreamento?

O que esperar do futuro do rastreamento?


Com a evolução constante das tecnologias, os dispositivos de rastreamento veicular também passaram por significativas mudanças, especialmente no que diz respeito à conectividade. A transição do 2G para o 4G trouxe melhorias notáveis em termos de velocidade e estabilidade de conexão, impactando diretamente na eficiência dos rastreadores dessas linhas. Neste blog, vamos explorar as diferenças entre os rastreadores 2G e 4G, além de lhe ajudar a decidir qual é o mais adequado às suas necessidades.


Qual a diferença entre rastreadores 2G e 4G?


Os rastreadores 2G e 4G representam duas gerações distintas de tecnologia de comunicação móvel, cada uma com características específicas que influenciam em seu desempenho e funcionalidades no rastreamento.


Enquanto os dispositivos 2G funcionam em redes mais antigas, o que resulta em velocidades de transmissão de dados mais lentas em comparação com as redes de última geração, os rastreadores 4G garantem uma conectividade eficiente em diversos ambientes. Além disso, proporcionam um rastreamento mais preciso, superando a capacidade de localização das redes 2G, inclusive em regiões remotas.


comparação entre equipamento rastreador 2g com equipamento rastreador 4g
Rastreadores 4G garantem uma conectividade que supera as limitações de velocidade dos dispositivos 2G

O desligamento das redes 2G


Apesar de milhões de dispositivos estarem conectados à rede 2G, rumores sobre seu desligamento começaram a circular em meados de 2022. Esses rumores se confirmaram em algumas regiões, onde se observou um desligamento da rede 2G.


Segundo a Anatel, a tendência é que as redes 2G sejam gradativamente desativadas pelas operadoras de telefonia. Embora não haja uma data específica para o fim da rede 2G no Brasil, é evidente que o foco das empresas está na expansão das redes 4G e no desenvolvimento da 5G.


Isso significa que os dispositivos que dependem exclusivamente da rede 2G para funcionar podem se tornar obsoletos em um futuro próximo. Portanto, investir em tecnologia 4G é uma decisão estratégica para quem deseja evitar a descontinuidade dos serviços de rastreamento.


mapa do brasil com antenas 2g dando lugar para antenas 4g
Segundo a Anatel, as operadoras estão desativando as redes 2G e priorizando a expansão da rede 4G

Ainda vale a pena investir em rastreadores 2G?


Diante do cenário de avanço tecnológico e da iminente desativação das redes 2G, investir em equipamentos que operam apenas nessa frequência pode não ser a melhor escolha. A qualquer momento, os rastreadores 2G podem perder sua funcionalidade, o que resultaria em prejuízos para os usuários e para as empresas de rastreamento.


Por outro lado, os rastreadores 4G já estão disponíveis no mercado e são uma alternativa mais segura e atualizada, garantindo a continuidade do serviço de localização veicular e a satisfação dos clientes.


Quer saber como evitar a compra de um equipamento de baixa qualidade? Trouxemos um conteúdo sobre os Piores Rastreadores: Como evitá-los? em outra postagem no blog. Acesse e confira!


Rastreadores 4G: O futuro do rastreamento 


Rastreadores 4G são a escolha ideal para quem busca eficiência e quer estar preparado para as mudanças no setor de telecomunicações. Com a rede 4G, os usuários desfrutam de uma melhor experiência de rastreamento, com dados transmitidos de forma mais rápida e confiável. Além disso, elimina-se o risco de obsolescência tecnológica associado aos equipamentos 2G.


Apesar de os rastreadores 4G apresentarem um investimento inicial mais elevado, é importante destacar que essa opção é mais econômica a longo prazo. Ao optar por um modelo 4G, os usuários evitam a necessidade de futuras substituições, como seria o caso ao escolher um rastreador 2G, que, além de ter um desempenho inferior ao 4G no rastreamento, irá demandar uma substituição de equipamento posteriormente.


Portanto, para aqueles que desejam investir em um equipamento rastreador, os modelos 4G são uma opção que alia modernidade, desempenho e visão de futuro, proporcionando uma relação custo-benefício mais vantajosa no longo prazo.


mapa do brasil com conexão 4g e rastreador 4g
Os rastreadores 4G garantem um rastreamento eficiente e sem obsolescência quando comparado ao 2G

Relembrando


A evolução dos dispositivos de rastreamento veicular, da era 2G para a 4G, representa não apenas um avanço tecnológico, mas uma necessidade estratégica diante das mudanças nas infraestruturas de comunicação móvel. Com o desligamento das redes 2G e o descontinuidade dessa tecnologia, a escolha por rastreadores 4G não apenas proporciona uma experiência de rastreamento mais eficiente, mas também se revela como um investimento sólido e duradouro. Ao optar por essa modernização, é possível assegurar a continuidade dos serviços de localização veicular e a preservação do valor do investimento a longo prazo.


Quer comprar um rastreador 4G, mas não sabe qual modelo escolher? Recomendamos equipamentos 4G de qualidade em nossa postagem Os Melhores Rastreadores 4G do Mercado de Rastreamento. Leia agora!


Gostou deste blog? Inscreva-se em nosso canal no YouTube para conteúdos em vídeo e siga-nos no TikTok para conteúdos curtos! 


Equipe Mobiltracker

89 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page