• Mobiltracker

Mito ou Verdade? Operadoras bloqueiam chips comuns utilizados em rastreadores

Atualizado: Mai 7

Estamos trazendo um novo mito para desvendar. É verdade que as operadoras bloqueiam chips comuns utilizados em rastreadores? Muitos usuários acreditam que chips comuns param de funcionar no momento em que são colocados em um rastreador, mas não é bem assim que acontece. Veja bem, existem duas situações que podem causar o bloqueio de chips. Vamos vê-las a seguir:


Excesso de mensagem SMS


Quando um rastreador está configurado para enviar localizações via SMS, o número de mensagens é grande demais, e o envio de mensagens do chip é bloqueado pela operadora.


O vídeo demonstra o chip de um rastreador tendo seu envio de SMS bloqueado por excesso de mensagens.


Operadoras de telefonia tem como regra o bloqueio de números que enviam muitas mensagens para evitar spam. Nesses casos, o bloqueio acontece apenas no envio de mensagens SMS. O recebimento de mensagens não é afetado. O chip também continua com conexão GPRS e pode fazer ligações.


Desde que você faça o rastreamento através da plataforma, o envio de SMS do chip não será bloqueado. A comunicação SMS dos chips deve ser utilizada apenas para recebimento de comandos de forma a evitar o bloqueio.


Excesso de chips cadastrados pela mesma pessoa


A outra situação que causa o bloqueio dos chips é quando vários chips de uma mesma operadora são registrados pela mesma pessoa.


O vídeo demonstra um usuário adquirindo diversos chips. Logo depois, todos os chips são bloqueados.


Existe um limite de chips pré-pagos que podem ser registrados pela mesma pessoa. Caso um usuário adquira múltiplos chips da mesma operadora e ultrapasse este limite, a operadora pode chegar a bloquear todos os chips registrados sob aquela identificação.


Operadoras possuem diversas maneiras de identificar usuários, como o CPF, e-mail e aparelho celular utilizado para ativar os chips.

O limite exato de chips permitido pelas operadoras não é divulgado. Por este motivo, não aconselhamos adquirir mais de três chips da mesma operadora registrados pela mesma pessoa. Caso você tenha necessidade de adquirir vários chips, recomendamos que o faça utilizando um CNPJ.


Conclusão


Então, recapitulando: Chips comuns usados em rastreadores podem ser bloqueados pelas operadoras, mas o que causa o bloqueio é a má utilização por parte de usuários que não estejam bem informados. Um rastreador bem configurado nunca terá o chip bloqueado. Por tanto, essa informação é um MITO.


Caso queira saber mais, assista nosso vídeo "Mitos ou Verdades: Chips M2M".



Logo, logo vamos trazer mais um Blogpost desvendando se é "Mito ou Verdade?". Acompanhe!

Equipe Mobiltracker

44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo