• Mobiltracker

Quanto custa rastrear?



Em tempos de crise é comum irmos atrás de novas alternativas para economizar. Mas agora, além desse empecilho, temos também a sensação de insegurança para dar conta. Pensando nisso, hoje vamos falar sobre o rastreamento, uma alternativa para você se sentir mais seguro.

Rastrear um veículo, uma pessoa, seu pet ou até um objeto está cada vez mais acessível. Através de dispositivos rastreadores ou de um aplicativo instalado em seu smartphone, é possível obter a localização em tempo real do que você desejar.

Mas quanto custa rastrear?

Essa é a pergunta que muita gente se faz quando ouve falar em rastreamento ou decide rastrear por conta própria. Para simplificar, vamos dividir nosso post em duas partes: rastreamento veicular e rastreamento celular.

Abaixo, vamos detalhar cada etapa, mas rastrear envolve basicamente quatro passos, com custos separados:

1. Comprar um rastreador (veicular ou celular);

2. Adquirir um chip para dados/sms;

3. Instalar o rastreador no carro (apenas para os veiculares);

4. Monitorar a localização de um equipamento.

Rastreamento veicular

Existem dois tipos de rastreadores veiculares (dispositivos rastreadores), os que são ligados na elétrica dos automóveis e os portáteis. Os que necessitam estar ligados à elétrica são mais indicados para o rastreamento de carros e caminhões, pois consomem um pouco da bateria do veículo. Já os portáteis, além de rastrear veículos como motos ou bicicletas, também são indicados para o rastreio de objetos, animais de estimação, entre outros.

Se tratando do preço, podemos dizer que é bem variado. Levando em consideração os modelos mais populares que o Mobiltracker suporta, criamos essa tabela:


A compra desses dispositivos – TK 102, TK 103, TK 104, TK 106, TK 106A, TK 107, XT009, TK 303, TK 909, TK 110, TLT, GT 02, GT 06, GPS 518, Suntech e Seguro Fácil – pode ser feita tanto em lojas físicas (como oficinas mecânicas ou lojas de alarmes), quanto em sites como Mercado Livre ou AliExpress.

Mas o investimento não para por aqui! Além de adquirir o rastreador, você deve manter o chip com SMS e dados (internet) ativo no seu aparelho. Nessa etapa, indicamos que você busque a operadora com a melhor cobertura na sua região e peça por um plano básico que tenha essas duas funcionalidades.

Adquirido o rastreador e o chip, é hora de configurar seu aparelho no Mobiltracker para realizar o rastreamento. Todos esses passos já foram explicados nesse post aqui, e por isso podemos pular para parte dos planos oferecidos por nós, que é mais uma parte que você deve contar no seu investimento.

Para começar sempre indicamos a assinatura do Plano Free, ele tem recursos limitados, mas para configurar e ver o rastreamento em funcionamento é ótimo. Para quem deseja mais benefícios, como maior tempo de histórico, relatórios diários de localização, cercas virtuais ilimitadas, etc., indicamos qualquer um dos nossos outros três planos: Starter, Plus ou Pró, de acordo com a sua necessidade.

Se você optar pelo rastreador que é ligado à elétrica do carro, também deve considerar o custo de um mecânico. Essa etapa é muito importante, por isso, lembre de optar por oficinas de confiança ou peça indicação de seus amigos.

Por hoje é isso! Aguarde, pois na semana que vem vamos falar sobre o rastreamento celular, via aplicativo :) Se surgir alguma dúvida, não deixe de nos escrever.

Equipe Mobiltracker

#RastreamentoVeicular #DicadoMobiltracker

  • Instagram - White Circle
  • Facebook - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
mouse (1).png

© 2013 - 2020 Mobiltracker . Plataforma de Rastreamento